Eu, Tu e os meus sapatos

Louca pela vida. Louca por ti. Louca por escrever. Louca por sapatos.

Category leucemia

Onde é que está a tia Nídia?

Depois da natação e logo a seguir a ter pedido um iogolino. – Oh mãe porque é que o avô Diamantino morreu? (A sério Maria? Saíste agora da natação e é disso que te lembras?) – Ficou doente e como já era velhote morreu. – Oh mãe porque é que as pessoas morrem? (Já tivemos tantas vezes esta conversa Maria Marchante…) – É assim a vida filha, todos vamos morrer.

Continue reading…

Estar vivo é uma bênção.

Às vezes é um pedido de ajuda. Noutras ocasiões, mais esporádicas, mera curiosidade. Por vezes aparecem respostas a uma questão que não coloquei, em jeito de confronto quando não ataquei. Por mensagem. Cara a cara. Nas redes sociais. De amigos, desconhecidos, familiares. “Isso da felicidade que não existe. É uma moda, uma mania de que todos temos de ser permanentemente felizes”. (Não temos. Mas devemos.) Como é que é isso de

Continue reading…

Parabéns Nídia.

Nunca publiquei uma fotografia da minha irmã na fase mais difícil da leucemia. Quando já estava exausta, dorida, sofrida. Desfigurada. Esta não era a minha irmã. Na verdade, muito antes, já não o era. Física, emocional e psicologicamente. Corrijo. Já não era a minha irmã de antes. Era uma nova. A que ganhei quando a leucemia apareceu e me levou a que tinha. A cabra da leucemia corrói, deforma e

Continue reading…

É a perspectiva da vida que me (nos) faz sorrir

Entrou no comboio esbaforida. Mais uma vez. Esbaforida mas com um sorriso. De telemóvel na mão a falar com a filha como sempre, entra na carruagem do costume e senta-se no lugar de todos os dias. Ao lado a dona da loja de decoração, que já é mais do que a pessoa a quem vai comprando peças para oferecer à filha. Existem as amizades da escola, das férias, do emprego.

Continue reading…